Menu Lateral
 
Itaverava, 24 de Novembro de 2017 :: 34 visitantes online.

Home :: Secretarias :: Saúde :: Boletim Epidemiológico 2017

 

EDIÇÃO: nº 1/2017

 

APRESENTAÇÃO

A Vigilância em Saúde é um elemento fundamental ao sucesso de todos sistema de saúde focado em resultados que se preste ao controle de determinantes, riscos e danos à saúde da população.

A Vigilância é organizada por territórios o mais próximo possível da população, pois o conhecimento aprofundado de sua dinâmica permite identificar necessidades e informações essenciais ao planejamento e à execução das ações articuladas de proteção, promoção e recuperação da saúde, bem como à prevenção de riscos e agravos.

Esperamos que a presente publicação seja um instrumento orientador para mais informações de cada ação da Vigilância em Saúde do município de Itaverava.

 

ORGANIZAÇÃO

  1. Promoção da saúde
  2. Vigilância ambiental
  3. Vigilância à saúde do trabalhador
  4. Vigilância epidemiológica
  5. Vigilância da situação de saúde
  6. Vigilância sanitária.
 

NOTIFICAÇÃO COMPULSÓRIA

Esse monitoramento é fundamental para elaboração de políticas públicas voltadas para o contexto local. O gráfico 01 demonstra as notificações realizadas pela equipe da VISA do município de Itaverava no ano de 2017.

Gráfico 01 – Número de Notificações - Itaverava/MG, 2006 – 2016. Fonte: SINAN

 

Dados: Relatório gerado em 01/09/2017.

O monitoramento dos casos de diarreia é fundamental para dotar o nível local de instrumentos ágeis e simplificados que permitam a detecção de alterações no padrão local das doenças diarreicas, apontando em tempo oportuno surtos e epidemias, bem como, permitir correlacionar ao longo do tempo, possíveis modificações nas condições sanitárias locais ou outros fatores como a veiculação de determinados patógenos pelos alimentos, água ou outras fontes de transmissão. O gráfico demonstra as notificações de doenças diarreicas realizadas pela equipe da VISA do município de Itaverava no ano de 2017.

 

Figura 01 – Casos de Doenças Diarréica Aguda. Dados: Relatório gerado em 01/09/2017.

 

RELATÓRIO DE VACINAÇÃO

Uma das principais medidas de intervenção para o controle e a prevenção de doenças é a imunização. Imunização é o objetivo da vacinação, ou seja, conferir ao individuo vacinado a imunidade contra a(s) doença(s), cujo imunobiológico propiciará a proteção. Os dados da tabela a seguir são do município de Itaverava/MG e demonstram o número de vacinas administradas no ano de 2017.

 

VACINA

DOSES ADMINISTRADAS

BCG

16

Penta

115

Dupla Adulto

696

Febre Amarela

947

Hepatite A

34

Hepatite B

528

HPV

242

Influenza

1.672

Meningocócica C

194

Pneumocócica 10

90

Pneumo 23

19

Vip

95

Vop

65

Tetraviral

9

DTP

46

DTPA

27

Tripliceviral

68

Rota Vírus

64

Varicela

25

TOTAL

4.952

 

Tabela 01 -  Consolidado de doses aplicadas – ano de 2017. Fonte: SIPNI-Desktop.

 

Dados: De Janeiro a Agosto de 2017- Relatório gerado em 01/9/2017.

De 2006 a 2016 a Taxa Bruta de Mortalidade passou de 5,6 a 6,4 óbitos para cada mil habitantes na região de Saúde Conselheiro Lafaiete/Congonhas; apesar de flutuações nos anos intermediários apresenta tendência crescente. A taxa começou com 6,7 em 2006, em 2016 foram 6,6; durante esse período as oscilações aconteceram com valores maiores e menores (entre 4,0 e 6,9). Conforme Figura 02.

Figura 02 - Taxa Bruta de Mortalidade - Itaverava/MG, 2006 – 2016. Fonte: SIM/CPDE/DASS/SVEAST/SubVPS/SESMG. Nota: Consulta 20/04/2017.

 Fonte: SIM/CPDE/DASS/SVEAST/SubVPS/SESMG, Consulta 20/04/2017. Nota: Dados Sujeitos à modificação.

VACINA ANTIRRÁBICA

Vacina Antirrábica Inativada Para Cães e Gatos previne contra a raiva em caninos e felinos.

Baseado na meta a cumprir da VISA do município de Itaverava, a esquipe alcançou 111,38% na vacinação canina e 103,99% na vacinação felina.

 

 

                

      111,38%                                   103,99%

 

AÇÕES DA VIGILÂNCIA SANITÁRIA

- Trabalhos desenvolvidos

Foram desenvolvidos no período de Janeiro a Agosto de 2017:

  • 42 Inspeções em estabelecimento;
  • 13 Denúncias recebidas e atendidas;
  • 36 Liberações de alvarás sanitários;
  • 40 Amostras de água de pontos estratégicos enviadas e analisadas.

 

DENGUE

A dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. Os picos epidêmicos têm sido cada vez maiores, em períodos que se repetem de cada 3 – 5 anos, quase de maneira regular. O objetivo da Vigilância Epidemiológica é acompanhar e identificar áreas de maior risco e ocorrência de casos e grupos mais acometidos, visando, dessa forma, instrumentalizar a vigilância no combate ao vetor.

 

AÇÕES DESENVOLVIDAS PELO CONTROLE E COMBATE DE ENDEMIAS

Trabalhados

6.105

Recusados

6

Fechados

1.148

Recuperados

22

Tratamento focal

179

Comércio

357

Terrenos Baldios

768

Outros

1.073

Tabela 03 – Ações desenvolvidas pelo ACE. Fonte: SisPNCD. Dados: Consulta realizada no dia: 04/09/2017

 

ITAVERAVA

2017


Mais Notícias

(c) 2017 - Prefeitura Municipal de Itaverava
Endereço: Praça José da Costa Carvalho, nº 109 Cep: 36.440-000 - Cidade: Itaverava / MG
Tel.: (31) 3757-1135 - Email: adm@itaverava.mg.gov.br
Horário de Funcionamento: 08:00 as 16:00 horas
Versão: 2017.10.30
Desenvolvido por: